Veículos flex podem misturar álcool e gasolina?

14/10/2020

Essa é uma dúvida comum que pode ser facilmente resolvida. Veja só as principais informações sobre o sistema de abastecimento dos carros flex e entenda como isso funciona:

Veículos flex podem misturar álcool e gasolina?

Quem tem um veículo que roda com mais de um tipo de combustível já deve ter se perguntado se é possível usar os dois ao mesmo tempo. Afinal, será que o carro flex pode misturar álcool e gasolina no tanque, ou será que é preciso fazer algum tipo de limpeza na divisão caso decida trocar um pelo outro?

Essa é uma dúvida comum que pode ser facilmente resolvida. Veja só as principais informações sobre o sistema de abastecimento dos carros flex e entenda como isso funciona:

Afinal, carro flex pode misturar álcool e gasolina no tanque?

Para adiantar, a resposta para quem se questiona se carro flex pode misturar álcool e gasolina no tanque é sim!

Ainda que haja quem não recomende essa prática, os motores desse tipo de veículo foram desenvolvidos para suportar não apenas o funcionamento com cada um desses combustíveis, mas também para a mistura.

É comum que os motoristas escolham trocar entre gasolina e etanol, uma vez que há períodos em que um é mais vantajoso que o outro. Lembre-se que para saber qual compensa mais, é preciso fazer o cálculo de consumo e preço!

Portanto, o sistema interno irá entender caso você esteja usando álcool, mas decidir reabastecer com gasolina.

Mas como o carro identifica qual combustível está sendo usado?

Você já entendeu que carro flex pode misturar álcool e gasolina, não é mesmo? Cada combustível funciona de forma diferente, de modo que a potência do motor pode variar de acordo com o que está sendo utilizado. Então, como o sistema do carro consegue identificar qual deles foi abastecido?

É simples! Existe um sensor chamado EGO (exhaust gás oxygen) encontrado no escapamento. Ele é responsável por identificar o tipo de emissão de gases que está ocorrendo, de acordo com o teor de oxigênio da combustão que passa por esse canal.

A partir disso, é possível compreender qual o combustível utilizado. Desta forma, ele informa à central do motor se é gasolina, álcool ou qualquer proporção de mistura entre os dois.

Mesmo que não tenha problemas em fazer o revezamento entre os combustíveis utilizados para ativar o motor de seu carro flex, a recomendação geral é que deve ter cuidado com a mudança muito brusca entre álcool e gasolina.

O ideal é que tenha uma constância de permanência com um único combustível, ao invés de trocar a cada reabastecimento.

Entendeu o porquê carros flex podem misturar álcool e gasolina no tanque? Agora, continue se abastecendo com conhecimento e confira outros conteúdos importantes aqui no blog da Bentauto!